sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

O fim da blogosfera brasileira?

Nesta primeira semana de janeiro, na época de comemoração, bebemoração, coma alcoólico, foder na rede em pé e etc, iniciou-se uma discussão no Orkut, sobre o fim da blogosfera (ou bloguesfera, se preferir).

Basicamente é um grupo falando mal dos blogs atuais, que tudo é muito vendido, não é mais espontâneo e engraçado e por aí vai.

O primeiro ponto que levanto é, nada contra NENHUM usuário da comunidade, até porque não conheço quase ninguém dali, mas o fato é: quantos deles REALMENTE têm experiência em blogar a longo prazo? Pergunto isso, pois conheço muitos vegetarianos fanáticos que deixaram de comer carne há apenas duas semanas e conheço pessoas que realmente não comem carne há MUITO tempo, desde quando ser vegetariano não era “modinha”, então muitas vezes são pessoas que “pegam o bonde andando” e querem seus 15 minutos de fama na discussão.

Um dos fatos mais interessantes é falar da qualidade dos blogs, concordo que tem muito blog ruim (talvez o nosso seja um para ti), mas aqui em casa temos TV a cabo, quando estou assistindo algo e entra os comerciais o que eu faço? Fácil, vou para outro canal, aqui eu tenho uns 100 canais… e blogs, temos quantos? Alguns milhões, meus caros, então se o Dr. Pepper, O Substantivolátil ou o Kibe Loco tão ruins, vá para outro blog bom. Fácil, não?!

Ah, agora vem a parte legal, posts pagos… foi o tema principal na discussão, porque post pago é feio e bobo, porque não pode rolar post pago e etc. Chega uma hora na discussão que dá a impressão de que blogs são montados apenas para ganharem dinheiro e que, de 100 posts, 101 são posts pagos (e eu tiro a conclusão que todos os blogueiros estão milionários).

Eu concordo que vender um post por míseros R$100,00 para falar de algo que você nem conhece é algo meio prostituto, mas foram citados valores como R$2000,00. Sejamos francos, quantas pessoas no Brasil têm que trabalhar às vezes MESES para ganhar R$2000,00? E como dito na discussão, basicamente ignore o post caso seja pago.

“Ah, vá trabalhar se quer ganhar dinheiro fácil“. Na minha opinião, isso é falta de capacidade de tocar um blog que receba mais do que 100 visitas… MENSAIS. Pode parecer o argumento mais básico falar de inveja e etc, mas apenas uma ou duas pessoas ali disseram que receberam proposta de post pago, incrível a experiência dos outros para falar a respeito não!?

Agora imaginem uma banda que toca por hobby, um dia um bar chama eles para tocarem e oferece uma graninha, o que eles devem fazer? Lógico que devem recusar e tocar de graça e continuarem undergrounds, sempre tocando pra amigos e ralando para ganhar dinheiro de segunda a sexta no horário comercial. É sempre o mesmo discurso de quem está de fora ou de pessoas nostálgicas “que tal banda se prostituiu”, “que tal blogueiro tá ficando pop e não tem mais a mesma qualidade”, “que o pessoal do Pânico esqueceu as origens” e aquele papinho rola no cu de quem está fora. Só falta nego falar que usar wordpress é fugir da causa (!?!?!?!?!?!).

Outro ponto importante é “marginalizar” a blogosfera, o que eu quero dizer? Fácil, quer dizer que porque EU acho que tal blog é ruim, que empresas investirem em blog é ruim, eu vou detonar com tudo e todos? É o famoso “Se eu não brinco, ninguém brinca“. Li coisas do tipo “quando empresa X investir em um blog, faremos publicidade gratuita do concorrente”, deixa ver se eu entendi, blogueiros que criticam alguns que estão ganhando dinheiro, vão parar de trabalhar, fazer um post FALSO (pois a pessoa está escrevendo para a outra marca, simplesmente por briguinha e não por prazer) e acabar com o investimento do outro blog, zoar com a cara de uma marca, por NADA!? O que irão ganhar com isso? Dormirão felizes por causa disso? Hello, estamos falando de mundo real galerinha, não é brincadeira isso, muitos de vocês tem empresas, imaginem fazerem isso contigo, vocês estão ajudando a transformar a internet que está cada vez mais consolidada como uma mídia séria, recebendo investimentos e etc, para algo amador e infantil.

Minha opinião é que todos os meios de comunicação têm propaganda e conteúdo bom ou ruim, TV, revista, jornal, TV a cabo, internet e, o pior deles na minha opinião: Cinema. Lá você é obrigado a ver o trailer e não tem para onde fugir, diferente da internet.

Vão curtir a vida! Quem reclama, crie blogs bons sem monetização e seja feliz, esqueça o blog dos outros, deixe os outros monetizarem, ganharem dinheiro, serem felizes e terem milhares de assinantes de feeds. Não vou citar nem o fato de muitas vezes por uma leitura superficial do blog, muitas pessoas julgarem o caráter de uma pessoa ;)

Anyway, este post é apenas meu ponto de vista sobre toda esta discussão BIZARRA que anda acontecendo. E você o que acha de tudo isso?


Post roubado sem autorização do Diário de Solteiro

Só postei isso pq o cara falou tudo... nao vou entrar em detalhes no momento, sao 8 da manha, minha mente ainda esta em torpor